Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unitau.br/jspui/handle/20.500.11874/237
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Avaliação das condições de vida e saúde bucal de famílias da Comunidade Associação Social e Filantrópica Solar da Paz em Porto Velho- RO
Authors: Ferreira, Patrícia Souza Closs
Abstract: Resumo: O objetivo deste estudo tranversal foi avaliar as condições de saúde bucal, CPOD e doença periodontal, condições socioeconômicas, acesso e autopercepção em saúde bucal de população residente em comunidade periférica na cidade de Porto Velho, Rondônia. Os exames foram realizados por alunos de graduação de odontologia da Faculdade São Lucas. A calibração dos examinadores foi realizada através do Erro Padrão de Medida (EPM), obtendo-se valores dentro do limite de concordância aceitáveis de no mínimo 0,85 ou 85%. Foram avaliadas noventa e sete famílias de estudantes (460 indivíduos, ± 4,75 indivíduos por família) de uma creche em bairro periférico. A avaliação socioeconômica mostrou que 70% das famílias estudadas ganhavam entre menos de um até dois salários mínimos, não recebiam água de Abastecimento Público, nem saneamento básico nem coleta de lixo pela Prefeitura; 73% ingeriram água de poço ou cacimba, 39% cloravam , 21% ferviam e 26% não faziam qualquer tratamento da água. Para o destino de dejetos, 91% utilizavam fossa Séptica. Os resultados referentes ao acesso aos serviços odotológicos mostrou que 30% dos indivíduos nunca foram ao dentista, 40% nunca receberam informação do profissional relacionados a prevenção, mas 70% consideraram necessitar de algum tipo de tratamento odontológico e 50% avaliaram o atendimento como péssimo e ruim. Para a avaliação da saúde bucal, a amostra foi dividida em cinco grupos de acordo com a idade: grupo A - zero a trinta e seis meses (ceo de 1, 33 ) Grupo B - quatro a seis anos ( ceo e CPOD de 5,21 e ISG 63%), Grupo C - onze a treze anos (CPOD 6, 61e CPI 43% dos indivíduos apresentaram algum tipo de alteração nos tecidos periodontais), Grupo D - quinze a dezenove anos (CPOD 9,76 e CPI apenas 33% apresentam o periodonto sadio), Grupo E de trinta e cinco a quarenta e quatro anos (CPOD de 21,63 e CPI quase 40% de sextantes foram excluídos e, no PIP, 15% dos sextantes apresentaram algum tipo de Perda de Inserção Periodontal), Grupo F – sessenta e cinco a setenta e quatro anos(CPOD 27,71 e, em relação à Condição Periodontal, não foram analisados). O estudo concluiu que é necessário melhorar e reorganizar o acesso aos serviços de saúde do município, bem como implementar políticas de saúde bucal incluindo Fluoretação, envolvendo ações preventivas e restauradoras, garantindo assim condições melhores de saúde bucal da população estudada.
Abstract: This research is meant to evaluate, through a transversal study, caries and periodontal diseases, socioeconomic conditions, access and auto perception in oral health for peripheral area populations in the city of Porto Velho, Rondônia. The examinations were performed by Odontology Graduation Students at São Lucas Faculty. The calibration executed by the examiners was based on the Error Measure Standard (EMS), obtaining acceptable values inside the agreement limit of at least 0.85 or 85%. 97 families of a daycare center students have been evaluated, totaling 460 individuals. § 4.75 individuals per family. The socioeconomic evaluation has shown that 70% of the studied families earned from less of one to two minimum salaries, they did not receive water from any public source, basic sanitation or garbage collection by the city hall; 73% used water for consumption from the well or cacimba, 39% used chlorine in it, 21% boiled it and 26% did not use any water treatment For the destination of the dejections, 91% had septic pools. The access to the odontologic services showed that 30% of the individuals had never been to the dentist, 40% had never received any information from the professional surgeon dentist on how to prevent oral problems, but 70% considered to need some type of odontologic treatment and 50% had evaluated the assistance as awful and bad. For the oral health evaluation, the sample was divided in 5 groups according to age: group A - from zero to 36 months (CEO 1.33 and AG 77%), group B – 4 to 6 years (CEO and AG 5.21%), group C – 11 to 13 years (CPOD 6.61 and CPI 43% of the individuals presented some kind of alteration in gum tissue), group D – 15 to 19 years (CPOD 9.76 and CPI almost 40% from sextants were excluded and at PIP, 15% from the sextants presented any kind of periodontal insertion loss), group F – 65 to 74 years (CPOD 27.71 and, in relation to periodontal condition, there were not enough sextants to be analyzed, for 79% of the sextants were excluded from the sample due to tooth loss). The study concluded that it is necessary to improve and to reorganize the city health services access, as well as to implement oral health policies like fluorine treatment involving preventing and restoring actions, guaranteeing better oral health conditions for the studied population.
Keywords: Periodontite
Saúde bucal
Prevenção da cárie dentária
Prevenção das doenças periodontais
Prevalência da doença periodontal
Prevalência de cárie dentária
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
metadata.dc.language: Português
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade de Taubaté
metadata.dc.publisher.initials: UNITAU
metadata.dc.publisher.department: Departamento de Odontologia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Odontologia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.rights.uri: https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0
URI: http://repositorio.unitau.br/jspui/handle/20.500.11874/237
Issue Date: 2008
Appears in Collections:Dissertações – Odontologia - PPGO

Files in This Item:
File SizeFormat 
Patricia Souza Closs.pdf532.27 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons